Arquivo diários:21 de agosto de 2019

Internet das coisas: 8 itens que serão on-line na sua próxima casa

Parece ficção científica, mas as casas inteligentes já são realidade; veja como!

“Eu nunca penso sobre o futuro, ele chega cedo demais”. A frase dita pelo cientista Albert Einstein se aplica perfeitamente a sensação que temos ao conhecer os gadgets criados graças a chamada “Internet das Coisas” ou IoT – tecnologia que hoje é considerada o próximo passo na evolução da Internet e o único caminho possível para a criação de casas e até cidades inteligentes.

Em um futuro não muito distante, todos os nossos objetos serão tão funcionais e autossuficientes quanto os smartphones: identificar padrões, processar informações e executar tarefas sem nem ao menos exigir o clique de um botão serão tarefas básicas de tudo.

Como na casa sonhada pelos criadores de “Os Jetsons” a Internet das Coisas permite que uma família tenha, por exemplo, portas que se abrem quando o carro esta prestes a chegar em casa, maquinas de lavar roupas controladas pelo celular, espelhos touchscreen que mostram notícias e vídeos enquanto o usuário se arruma, ar condicionados que equilibram a temperatura da casa antes mesmo do dono chegar, cortinas que se abrem e se fecham de acordo com a luz do sol,  dentre muitas outros itens 100% conectadas.

Curiosos para saber o que é real e o que ainda está por vir, listamos 8 “coisas” pra lá de inteligentes que já estão a venda (nem sempre no Brasil) e muito provavelmente vão fazer parte da sua próxima casa:

1. Fechadura

Trancas como a Qrio, criada pela Sony e já vendida no Japão, dispensam o uso de chaves e permitem que você tranque e destranque portas através do celular, além de modos de tranca automáticos – parecidos com os já usados em alguns carros. Com a tecnologia também é possível autorizar amigos e familiares a destrancar a porta de qualquer lugar do mundo. 

2. Lâmpada

Hue, da Phillips, é um ótimo exemplo de lâmpadas inteligentes. Comandas por aplicativos de celular elas não só mudam de cor e intensidade, mas também podem ser programas para apagar e acender em horários pré-determinados ou até serem ligadas e desligadas a distância.

3. Ar-condicionado

Aparelhos de ar-condicionado que podem refrescar ou aquecer a casa antes mesmo de você chegar são famosos entre os fãs da Internet das Coisas. No Brasil, marcas como a Electrolux já colocaram suas versões no mercado. Nestes caso, por exemplo, é possível ligar o aparelho de qualquer cômodo da casa, além de criar programações personalizadas, definindo temperaturas, horários e dias da semana específicos para que o ar ligue e desligue sozinho.

4. Persiana

“Você já parou para pensar porquê ainda abre e fecha suas persianas com as mãos?”, é com essa pergunta que a  MySmartBlinds inicia o vídeo de apresentação de seu produto. As persianas inteligentes não só podem ser abertas e fechadas com o apertar de um botão, ou com um aplicativo de celular, elas também possuem uma fina placa solar, capaz de direcionar, automaticamente, a posição ideal da persiana de acordo com a intensidade da luz do sol.

5. Máquina de Lavar Roupa

Além de permitir que a você ative e ajuste o ciclo de lavagem pelo próprio smartphone, esta máquina de lavar roupa da Whirlpool, já a venda nos Estados Unidos, possui sensores que medem as quantidades de sabão e amaciante e, quando estão para acabar, envia um pedido de compra dos produtos para o Amazon.

6. Máquina de Café

 

Café em horários programados, acionamento a distância e notificações no celular quando a água ou o estoque de cápsulas está no fim. Já é assim que funcionam as máquinas de café que usam os conceitos de Internet das Coisas, entre elas a Nespresso Prodígio que já está a venda no Brasil. 

7. Espelho

Na versão mais básica, os espelhos inteligentes, além de refletirem, possuem no fundo telas parecidas com a de um celular ou de uma smart TV,  capazes de mostrar feeds de notícias, vídeos e outras informações. Versões mais desenvolvidas podem ainda ter funções especificas, como por exemplo, o Hi Mirror, que é capaz de avaliar a pele e dar dicas para cuidar melhor dela.

8. Assistente digital

Acionados por comando de voz, os assistentes digitais para casa funcionam praticamente da mesma forma de assistentes de celulares, como a “Siri” do Iphone, por exemplo. Nestes casos, porém, eles são capazes de auxiliar nas tarefas domésticas, como atualizar a lista de supermercado, tocar um determinada música, ligar e desligar outros aparelhos da casa, telefonar para um familiar e assim por diante. Entre as marcas que desenvolveram aparelhos deste tipo estão a Amazon, o Google e a Apple: nas novas versõs de Iphone, existe um aplicativo batizado de HomeKit 

Fonte: https://casavogue.globo.com

Fórum promove debate sobre sistema construtivo em paredes de concreto

A técnica de paredes de concreto se destaca na indústria da construção por ser um sistema construtivo em que a estrutura e a vedação das paredes são formadas por um único elemento e moldadas no próprio canteiro de obras.

A metodologia, que tem se apresentado competitiva para o programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV), é tema do ‘Fórum Melhores Práticas em Parede de Concreto, promovido pela SH (empresa de locação e venda de fôrmas para concreto, andaimes e escoramentos) e a Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC). O evento vai ser realizado no dia 29 de agosto, das 10h às 16h30, na SH em Campo Grande, no Rio de Janeiro.

O presidente do Sindicato da Construção de Minas Gerais (Sinduscon-MG), Geraldo Jardim, explica que o objetivo principal do evento é trocar experiências sobre o método. “O uso de paredes em concreto se tornou uma prática comum na construção de habitações de interesse social. Muitas empresas estão migrando para essa prática, por isso o fórum é pertinente para promover o debate entre os envolvidos para melhorar o processo”.

Jardim destaca ainda que as empresas que já têm experiência na prática vão apresentar cases com resultados que comprovam o valor da técnica. “O interessante desse fórum é que empresas que já atuam nesse segmento vão dar um retorno aos que estão começando sobre as vantagens de se usar paredes em concreto. A ideia é abranger os pontos positivos e negativos do pós-obra”, concluiu.

Exemplos de boas práticas em parede de concreto serão apresentados durante o fórum, assim como algumas vantagens em se utilizar a técnica:

  • Velocidade – o ganho de tempo na construção das paredes é de pelo menos 60% se comparado a uma obra de alvenaria
  • Redução dos resíduos na obra – por não serem necessários cortes nas paredes para a instalação elétrica e hidráulica e por não ocorrerem perdas significativas de massa como numa obra convencional
  • Resistência – o método apresenta maior durabilidade e vida útil comparado às paredes de tijolo
  • Mão de obra – o sistema permite a otimização do trabalho dos profissionais no canteiro

Com inscrições gratuitas, para participar basta se inscrever no link do evento: bit.ly/2YMuWuh

Fonte: https://cbic.org.br